Viva o Sucesso: Leonardo

Emival Eterno da Costa, (Goianápolis, 25 de julho de 1963), mais conhecido como Leonardo, é um cantor brasileiro. Tornou-se Leonardo em1981, quando ele e o irmão Leandro (Luís José Costa), decidiram tentar a carreira artística e formaram a dupla sertaneja Leandro & Leonardo. No dia23 de junho de 1998, Leandro faleceu em decorrência de um câncer raro depulmão e Leonardo partiu para a carreira solo. Já vendeu mais de 50 milhões de discos. Leonardo é considerado o maior cantor sertanejo romântico do Brasil.

História 

Emival Eterno Da Costa(Leonardo) nasceu em Goianápolis, em Goiás, no dia 25 de julho de 1963, sendo o quarto de oito irmãos. Filho de Carmem Divina Eterno da Silva e de Avelino Virgulino da Costa, falecido em 11 de janeiro de 2015 aos 78 anos. Leonardo tinha como companheiro inseparável seu irmão Leandro (Luis José), um ano e onze meses mais velho, nascido no dia 15 de agosto de 1961. Devido a inúmeras dificuldades, a família mudou-se para, Carmo do Rio Verde (GO), para tentar uma nova oportunidade. Infelizmente o rumo das coisas não foi o esperado e, por isso, a família retornou para Goianápolis, onde Seu Avelino passou a trabalhar como meeiro na lavoura de tomates. Desde pequeno, Leandro era o mais tímido, mas sonhava com uma vida melhor para sua família. Na plantação de tomates era ágil e na roça, o repertório obrigatório eram as músicas de Chitãozinho & Xororó. Seu Avelino, assim como Leandro, estava sempre acompanhado de sua viola, despertando nos garotos a atenção para a música. Leonardo por sua vez, sempre muito elétrico e animado, apesar das diversas brincadeiras, tinha um lado sério e dava um jeito de ganhar mais realizando trabalhos extras, e sonhava com uma vida melhor para toda sua família.

Novamente, devido às dificuldades vividas, a família foi obrigada a deixar sua cidade natal e partir para Goiânia. A dura experiência fez com que todos decidissem voltar à Goianápolis. Nesta época, com o incentivo dos amigos, Leandro dedicava o tempo livre à música e entrou para a banda Os Dominantes, que tocava sucessos de Roberto Carlos e dos Beatles. Enquanto isso, Leonardo, cantava somente no trabalho, mas aos poucos os dois irmãos começaram a ensaiar como dupla e decidiram, com o apoio de toda família, voltar para Goiânia para tentar carreira na música. Chegando à capital, os dois meninos, logo arrumaram emprego para se sustentar. Leonardo trabalhava em uma farmácia e Leandro no mercado central. Todos os minutos de folga eram dedicados aos ensaios. Tio Zé, irmão de Dona Carmem, viajou com eles e se encarregava de conseguir apresentações para a dupla, assim como Anselmo, patrão de Leonardo. Foi nessa época que o nome da dupla foi escolhido. Ao saberem que um dos funcionários da farmácia teve filhos gêmeos batizados de Leandro e Leonardo, não tiveram dúvidas. As apresentações não rendiam muito dinheiro, mas mesmo assim eles não desanimavam e com isso o primeiro contrato surgiu e a dupla assinou, por quatro salários mínimos, para cantar em um local melhor. A partir daí, começaram a receber propostas para apresentações em cidades vizinhas e convites para se apresentar na televisão. O primeiro programa à convidar a dupla para uma participação foi o “Beira da Mata” exibido pela TV Tocantins, de Anápolis, Goiás.

Mas, o sucesso da dupla aconteceu com o hit “Entre tapas beijos”, gravado no terceiro disco. No quarto volume Leandro & Leonardo, lançado em 1990, a canção “Pense em mim” bateu todos os recordes de execução nas rádios, dando uma repercussão ainda maior para dupla que, neste momento, conquistava todos os brasileiros. O lançamento do disco incluiu um show no Canecão, casa de espetáculos do Rio de Janeiro, que pela primeira vez abria suas portas para os meninos de Goianápolis. Com tanto êxito, a dupla logo conquistou as telinhas. A TV Globo os contratou para apresentar o programa Leandro & Leonardo Especial. Cada vez mais admirados, conhecidos e queridos pelo público, eles se tornaram uma da duplas que mais venderam discos na história da música brasileira. Em quinze anos de carreira, já acumulavam 25 milhões de discos vendidos. Em 1995, a dupla se uniu a Chitãozinho & Xororó e a Zezé di Camargo & Luciano para apresentar um dos programas mais bem sucedidos da Rede Globo, o Amigos, que surgiu na programação como um especial de fim de ano e que posteriormente, devido à grande audiência, começou a ser transmitido semanalmente na grade da emissora. O resultado da atração foi tão positivo, que o encontro das três duplas gerou a produção de quatro CDs Amigos, que venderam milhões de cópias em todo o Brasil. No auge do sucesso e perto de lançar o disco Um Sonhador, Leandro começou a sentir-se mal e após muita luta não resistiu a um câncer de pulmão e faleceu no dia 23 de junho de 1998. Depois de ter recebido a homenagem de milhares de fãs em São Paulo, ele foi enterrado em Goiânia, onde também recebeu o carinho de parentes e amigos. Leonardo, depois de receber o apoio dos familiares, amigos e fãs da dupla, lançou, em 1999, seu primeiro disco solo intitulado Tempo. Atualmente, após 11 CDs e 4 DVDs lançados, Leonardo soma a marca de mais de 15 milhões de cópias vendidas, e concretiza o sonho de dar continuidade à carreira da dupla Leandro & Leonardo.

Filme

Em abril de 2011, Leonardo contou a uma emissora de TV que estariam produzindo um longa da dupla Leandro e Leonardo, intitulado Não Aprendi Dizer Adeus.  O cantor disse que a produção irá se iniciar em julho de 2011. Alguns nomes já foram divulgados como o de Bruno Gagliasso, como o protagonista Leonardo. O longa-metragem vais ser dirigido por Mauro Mendonça Filho, e tem um roteiro de Glória Perez. O filme ainda não há data para estreia.

Discografia 

  • 1999: Tempo
  • 1999: Leonardo Ao Vivo
  • 2000: Quero Colo
  • 2001: Todas as Coisas do Mundo
  • 2002: Todas as Coisas do Mundo Ao Vivo
  • 2002: Te Amo Demais
  • 2003: Brincadeira Tem Hora
  • 2004: Leonardo Canta Grandes Sucessos
  • 2005: Leonardo Canta Grandes Sucessos Vol. 2
  • 2006: De Corpo e Alma
  • 2008: Coração Bandido
  • 2009: Esse Alguém Sou Eu Ao Vivo
  • 2010: Alucinação
  • 2011: Nada Mudou
  • 2013: Vivo Apaixonado
  • 2014: Leonardo – 30 Anos
  • 2014: Cabaré (com Eduardo Costa)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s