Descaminhos – capítulo 22

11774386_666390326831582_265096495_n


Descaminhos 

Novela de Débora Costa


Capítulo 22


Personagens

Luigi Fiore

Giovanna Fiore

Enrico Salvatore

Paola Fiore

Carlo Mantovani

Mirella Fiore

Vitor Albuquerque

Elis Albuquerque

Jonas Albuquerque

Isaque Munhoz

Susana Albuquerque

José Almeida

Ana Clara Carvalho

Bruno Almeida

Nice Almeida

Silvio Almeida

Helena

Vitório Fiore

Doménica Fiore

PARTICIPAÇÕES:

Sérgio Medeiros – Investigador

Augusto Lopez – Delegado

Rafael Almeida – Policia Militar  



Cena 1

Mansão Fiore/Suíte de Luigi e Doménica

LUIGI: (olhando Giovanna, um pouco arrependido por ter batido nela) Eu te amo Giovanna, mas não permito que fale assim comigo… Eu sei que não é certo eu ter esse relacionamento com Alanis… Mas aconteceu, gosto muito dela, amo a sua mamma… A vida é minha e eu faço o que bem entender, só não permito que você se meta fazendo intrigas.

GIOVANNA: (olha Luigi com raiva, com a mão no rosto, as lagrimas escorrem) Eu disse a verdade! Mas se não quer acreditar, problema seu! (sai chorando, bate a porta).

LUIGI: (pensativo).

Cena 2

Corredor

EMILIANO: (encontra com Giovanna, a segura a olha) O que aconteceu Giovanna?

GIOVANNA: (chorando) Emiliano me tira daqui! Me leva para seu apartamento, não quero ficar aqui hoje.

EMILIANO: Claro. (sai abraçado com Giovanna).

VITÓRIO: (estava ouvindo a conversa de Giovanna e Luigi, sorri, entra em seu quarto).

Cena 3

Quarto de Vitório

VITÓRIO: (pega o celular, disca uns números) Os planos mudaram e para melhor, amanhã você vai pegar Giovanna no prédio onde Emiliano mora… (sorri).

Cena 4

Hospital/Enfermaria

ANA CLARA: (olha Doménica) A senhora já me ajudou muito, já está ficando tarde.

DOMÉNICA: Eu não saio daqui até saber o que aconteceu com você, e minha filha está me esperando, pare de se preocupar comigo.

MÉDICO: (se aproxima).

DOMÉNICA: Então doutor, foi mesmo a pressão dela que abaixou?

MÉDICO: (olha Ana Clara) Você me disse que ficou nervosa, e no seu estado é natural que ocorra desmaio.

ANA CLARA: Meu estado?… O que eu tenho?

MÉDICO: (sorri) Você está grávida.

ANA CLARA: (olha o médico sem acreditar).

DOMÉNICA: (fica feliz).

ANA CLARA: (começa a chorar).

DOMÉNICA: (olhando Ana Clara) Ana Clara… Você deveria estar feliz.

MÉDICO: (sai).

ANA CLARA: (olha Doménica) Não tenho como estar feliz…

DOMÉNICA: O pai da criança… É José?

ANA CLARA: (faz que sim com a cabeça, olha Doménica) Ele não quer saber de mim… Ele me enganou e agora está com a sua filha.

DOMÉNICA: (segura a mão de Ana Clara a olha) Querida… Você não precisa dele… Se ele te enganou… Não te merece, e muito menos ser pai, e seu filho nem vai precisar porque você é uma pessoa maravilhosa… Você pode contar comigo para o que for.

ANA CLARA: (sorri um pouco) Obrigada.

Cena 5

Mansão Fiore/Sala

CARLO: (entra).

PAOLA: (o olha sorri) A tal Manuella que te fez querer o divórcio?

CARLO: (sorri) Também, digamos que ela abriu ainda mais os meus olhos.

PAOLA: Ela não é lá grande coisa mais sou grata a ela.

CARLO: Amanhã meu amigo que é advogado vai trazer os documentos.

PAOLA: (sorri) Fico feliz.

CARLO: José já foi embora?

PAOLA: Não, está com babbo no escritório, estão falando da empresa.

CARLO: Eu preciso falar com Luigi também, mas é melhor amanhã, com licença. (sobe as escadas).

PAOLA: Carlo está muito estranho… Não é possível que ele esteja agindo tão calmamente em relação ao divórcio.

Cena 6

Apartamento de Emiliano/Sala

GIOVANNA: (está sentada, pensativa).

EMILIANO: (trás uma xícara de chá) Aqui Giovanna… Para te acalmar.

GIOVANNA: (pega a xícara sorri) Grazie… Você age de um jeito que eu adoro sabia.

EMILIANO: (sorri, se senta ao lado de Giovanna) É que eu te amo muito, desde quando te vi pela primeira vez no aeroporto.

GIOVANNA: (toma um pouco do chá, olha Emiliano) Eu não me conformo com o jeito adolescente que meu babbo está agindo…

EMILIANO: Ele deve estar muito atraído pela Alanis.

GIOVANNA: (com vontade de chorar) Ele me bateu por causa dela… Nunca vou perdoar isso.

EMILIANO: (abraça Giovanna) Ele deve ter agido por impulso meu amor.

GIOVANNA: (olha Emiliano) Não vamos mais falar disso…

EMILIANO: (sorri) Está bem.

GIOVANNA: (beija Emiliano, o olha muito) Preciso de você…

EMILIANO: (olhando Giovanna, sorri, acaricio o rosto dela) E eu de você. (beija Giovanna, segura a mão dela, levanta) Vem comigo…

GIOVANNA: (se levanta, vai com Emiliano).

Cena 7

Quarto

GIOVANNA: (entra com Emiliano, olha em volta sorri) Você tem bom gosto, seu quarto é bonito.

EMILIANO: (sorri, olhando Giovanna) Obrigado… Você tem que provar a cama, faz muito bem para as costas.

GIOVANNA: (da risada, se senta na cama, olha Emiliano, sorri se deita) É… Bem confortável mesmo.

EMILIANO: (se deita ao lado de Giovanna, a olha sorri a beija).

GIOVANNA: (beijando Emiliano, o olha muito) Amo você.

EMILIANO: (sorri) Eu também te amo. (beija Giovanna).

Cena 8

Dia seguinte/Mansão Fiore/Sala

DOMÉNICA: (está sentada).

LUIGI: (se aproxima, sorri) Bom dia amoré.

DOMÉNICA: Bom dia querido.

LUIGI: Doménica, quando Giovanna descer fala avisa que quero falar com ela.

DOMÉNICA: (olha Luigi) Giovanna não passou a noite em casa.

LUIGI: (preocupado) Não…

DOMÉNICA: Ela saiu com Emiliano, deve estar na casa dele.

LUIGI: Então vou ligar para ele… Doménica o que aconteceu com a moça que veio aqui ontem?

PAOLA: (vem descendo as escadas).

DOMÉNICA: Coitadinha Luigi… Ela ficou tão desesperada quando soube que estava grávida.

PAOLA: (se aproxima) Aquela coisa está grávida?

DOMÉNICA: (olhando Paola) Não fala assim de Ana Clara.

PAOLA: Eu falo como quiser dela, aposto que ela vai inventar que o pai desse melequento é José.

JOSÉ: (entra).

DOMÉNICA: Ana Clara não tinha porque inventar isso, José realmente é o pai do filho que ela está esperando.

PAOLA: (olha muito José).

JOSÉ: Que história é essa dona Doménica?

PAOLA: (se aproxima de José, um pouco nervosa) Não dê importância meu amor.

LUIGI: O José veio aqui para trabalhar, problema pessoal ele resolve depois que falar comigo.

PAOLA: Hoje é domingo! E você não está vendo a desgraça que está acontecendo aqui?

LUIGI: Não, o que estou vendo é um canalha que engravida uma moça e fica com outra, mas não vou levar isso em consideração porque José está me ajudando muito, vou dar 10 minutos para vocês falarem disso, enquanto isso vou ligar para Giovanna. (entra no escritório).

JOSÉ: (se senta) Eu vou ser pai?…

DOMÉNICA: José eu não sei se Ana Clara vai querer que você se envolva nisso.

JOSÉ: (olha Doménica) Ela não me contou nada.

DOMÉNICA: Ela está muito magoada com você.

PAOLA: Que continue assim! Mamma me deixa a sós com José por favor.

DOMÉNICA: (se levanta, olha Paola) Está bem… Vou tomar café no jardim. (sai).

PAOLA: José… Hoje vou assinar o divórcio… Está tudo dando certo para mim. (acaricia o rosto de José, o olhando nos olhos) Eu quero muito que você fique comigo.

JOSÉ: (sorri) E quem disse que vou te deixar?

PAOLA: (sorri, beija José).

Cena 9

Escritório

LUIGI: (o celular toca, atende) Alô.

ALANIS: (sorri) Bom dia querido.

LUIGI: (sorri) Bom dia… Como você está?

ALANIS: Muito melhor agora, tanto que te liguei para você passar o dia comigo.

LUIGI: Eu vou adorar, não tenho nada para fazer aqui hoje.

ALANIS: Então vem meu querido, estou com saudades dos seus beijos.

LUIGI: Vou resolver um assunto antes e vou.

ALANIS: (faz voz manhosa) Ah não Luigi… Vem agora. (sorri).

LUIGI: (sorri) Gosto quando você faz isso menina…

ALANIS: Vem tomar café comigo, mas quero você só pra mim, deixa o seu celular ai na sua casa.

LUIGI: (gostando) Está bem Alanis, vou ficar o dia todo só com você, até já. (desliga).

Cena 10

Apartamento de Alanis/Quarto

ALANIS: (desliga o celular, olha Vitório, sorri) Ele virá… (dá risada).

VITÓRIO: (beija Alanis, sorri) Perfeito… Hoje Giovanna não escapa.

Cena 11

Mansão Magalhães/Sala de Jantar

ELIS: (está tomando café).

SUSANA: (entra, se senta) Bom dia… (olha a mesa) Mas aqui só tem pão, manteiga, café e leite, cadê meu suco de laranja, minhas frutas?

ELIS: Mamãe… Não deu para comprar, fique feliz com o que temos hoje.

SUSANA: Não fico feliz! Isso é culpa do maldito do seu pai! Se ele não tivesse sido tão burro nada disso estaria acontecendo!

ELIS: Não precisa falar assim… Eu vou abrir um negócio em breve e logo as coisas vão voltar a ser como antes.

SUSANA: Espero que Jonas esteja queimando no inferno… E seu irmão?

ELIS: Não sei, quando eu cheguei ele já não estava aqui.

MANUELLA: (entra, se senta) Bom dia.

SUSANA: Bom dia…

MANUELLA: (olha a mesa) Não tem bolo?

SUSANA: Não, não tem nada aqui.

ELIS: Assim não dá, as duas estão reclamando de barriga cheia, claro que tem o que comer mamãe, só que seu paladar de madame não aceita o que tem aqui.

MANUELLA: Eu só perguntei, não reclamei vocês deveriam ter me avisado antes, eu vou fazer compras no supermercado depois.

SUSANA: Eu não acredito onde as coisas estão chegando…

Cena 12

Apartamento de Emiliano/Quarto

EMILIANO: (está dormindo abraçado com Giovanna).

GIOVANNA: (acorda, olha Emiliano, sorri, se levanta devagar para não acordar Emiliano).

EMILIANO: (acorda, sorri para Giovanna) Oi…

GIOVANNA: Eu tentei não te acordar. (sorri).

EMILIANO: Não tem problema meu amor.

GIOVANNA: (se levanta, entra no banheiro).

EMILIANO: (se levanta) Eu vou preparar nosso café.

GIOVANNA: (voz off) Você sabe cozinhar?

EMILIANO: Claro que sei. (sorri) Faz um tempo que moro sozinho, aprendi a me virar.

GIOVANNA: (se aproxima sorri) Quero ver se você é bom nisso também.

EMILIANO: (beija Giovanna, a olha sorri) Tenho certeza que você vai adorar, você quer ficar comigo na cozinha?

GIOVANNA: Não, eu vou esperar o resultado, enquanto isso vou me arrumando… Preciso voltar para a casa mesmo sem querer…

EMILIANO: Tenho certeza de que seu pai já se arrependeu.

GIOVANNA: Não vou esquecer como ele me tratou… (fica chateada).

Cena 13

Meia Hora Depois/Apartamento de Alanis

LUIGI: (entra).

ALANIS: (beija Luigi).

LUIGI: (beijando Alanis, a olha sorri) Que recepção calorosa.

ALANIS: (sorri) Luigi eu juro que não esperava sentir o que sinto por você… É tão forte… Por incrível que pareça senti muita saudade de você.

LUIGI: Eu sinto o mesmo por você. (se senta, olha em cima da mesinha de centro uma revista com Alanis na capa, pega) Nossa como você ficou linda nessa foto.

ALANIS: (se senta ao lado de Luigi, sorri) Obrigada, você vai gostar das outras fotos.

LUIGI: (coloca a revista no mesmo lugar, segura a nuca de Alanis a olha) Pra que vou querer ver foto se tenho você em pessoa aqui. (beija Alanis).

ALANIS: (beijando Luigi, o olha muito sorri) Você não gosta mesmo da minha profissão não é?

LUIGI: Não… (sorri) Eu vou te colocar na minha empresa… Você vai ser a minha assistente pessoal, vou dar um cargo maior para o José e você fica com o dele, aceita?

ALANIS: (olhando Luigi sedutora) Se é para passar mais tempo ao seu lado eu aceito. (beija Luigi).

Cena 14

Vila/Casa de Ana Clara

VICENTE: (entra, sorri) Bom dia!

ANA CLARA: Bom dia Vicente, obrigada por vir.

VICENTE: Eu estava vindo para o restaurante e assim que vi sua mensagem vim te ver, o que aconteceu?

ANA CLARA: Eu estou mesmo grávida…

VICENTE: (sorri, abraça Ana Clara) Parabéns! (a olha muito).

ANA CLARA: (olhando Vicente sorri) Eu não sei se pulo de alegria ou se choro de desespero…

VICENTE: Se você quiser… Eu posso ser o pai do seu filho.

ANA CLARA: (fica sem graça) Vicente…

VICENTE: Você já deve ter percebido que eu gosto de você…

ANA CLARA: (olha muito Vicente) Sim… E tenho que ser sincera com você, eu ainda gosto muito do José… (fica com vontade de chorar) Eu sei que ele não vale nada, mas eu ainda gosto dele, não quero ele de volta, mas o sentimento está vivo.

VICENTE: Eu sei… Quero te ajudar a esquecer dele… Posso?

ANA CLARA: (olhando Vicente, sorri um pouco) Pode… Mas aos poucos, eu não quer começar nada agora.

VICENTE: (beija o rosto de Ana Clara, a olha sorri) Tudo bem.

Cena 15

Mansão Fiore/Sala

ENZO: (entra, está de ressaca).

DOMÉNICA: (se aproxima) Filho! Eu estava tão preocupada com você?

ENZO: (abraça Doménica) Desculpa mamma, eu bebi demais e Elis me levou para um hotel.

DOMÉNICA: Não gosto quando você bebe assim Enzo… Eu vou preparar um chá para você.

ENZO: (se joga no sofá) E um remédio para dor de cabeça também iria bem.

DOMÉNICA: Va bene, Enzo, Enzo… A sua sorte é que seu babbo não está aqui. (sorri, vai para cozinha).

ENZO: (pensativo) Imagino onde ele esteja…

CARLO: (se aproxima devagar de Enzo para que ele não o veja, sorri, grita no ouvido de Enzo) Chegando agora Enzo!

ENZO: (coloca a mão na cabeça) Não faz isso Carlo… Minha cabeça está me matando.

CARLO: (dá risada) Isso que dá encher a cara a noite toda.

ENZO: Fazia tempo que não bebia… Mas até que deu certo, as vezes eu preciso disso, só assim para encarar certas coisas…

CARLO: Eu resolvo isso de outra forma e você deveria tentar, eu corro! (sorri) A Adrenalina de uma corrida cura qualquer coisa, principalmente se você é um dos campeões como eu.

ENZO: Vou tentar qualquer dia…

CARLO: Hoje é o dia, tenho uma corrida á noite, quer ir ver? Dai posso te colocar para fazer um teste.

ENZO: (olhando Carlo) Eu acho que vou sim.

CARLO: (sorri) Ótimo você vai gostar, vai te distrair.

ENZO: Tomara…

Cena 16

Apartamento de Emiliano/Sala

GIOVANNA: Eu já vou indo meu amor.

EMILIANO: Eu vou com você, depois que te deixar em casa eu vou para a empresa.

GIOVANNA: Eu também tenho que ir lá, tem alguns problemas para resolver.

EMILIANO: (beija Giovanna a olha sorri) Isaque já descobriu nosso namoro, e disse que você vai voltar para ele.

GIOVANNA: (da risada) Quero distância dele, Isaque me fez passar vergonha, ele teve coragem de pegar o meu relatório e ler antes de mim… Vamos meu amor, quero tirar essa roupa, odeio repetir a mesma roupa.

EMILIANO: (sorri) Vamos. (sai com Giovanna).

Cena 17

Lado de fora do prédio

VÍTOR: (está dentro de um carro com os vidros escuros junto com Éderson, está atento na portaria e no estacionamento, vê o carro de Emiliano) Éderson, é agora, esse imbecil não deveria estar com ela, mas vai ser fácil mesmo assim, cobre o rosto e vai lá, não mata Emiliano, mas se ele atrapalhar o coloca para dormir. (coloca uma máscara, pega um revólver).

ÉDERSON: (coloca uma máscara, já está com a arma na mão desce do carro, se aproxima do carro de Emiliano, coloca a arma na cabeça dele) Desce do carro meu irmão!

GIOVANNA: (fica assustada).

EMILIANO: Calma… Leva o que você quiser…

ÉDERSON: (grita) Desce do carro!

EMILIANO: (desce do carro, está com medo).

ÉDERSON: Deita no chão! E só levanta quando eu mandar!

EMILIANO: (está preocupado com Giovanna, se deita no chão).

ÉDERSON: (dá a volta, abre a porta do carro, segura Giovanna pelo braço, a tira do carro) Você vem comigo princesa.

GIOVANNA: Me solta!

EMILIANO: (se levanta, se aproxima de Éderson) Deixa ela em paz, você pode levar o que quiser.

ÉDERSON: Eu mandei você ficar deitado meu irmão! Eu já tô levando o que eu quero!

EMILIANO: (vai para cima de Éderson) Corre Giovanna!

GIOVANNA: (fica desesperada preocupada com Emiliano) Para Emiliano! Ele vai matar você!

EMILIANO: (brigando com Éderson) Corre!

GIOVANNA: (sai correndo, olhando para trás o tempo todo).

ÉDERSON: (dá uma coronhada em Emiliano).

EMILIANO: (cai no chão desmaiado).

GIOVANNA: (para de correr, quer voltar para ajudar Emiliano).

VITOR: (se aproxima de Giovanna, coloca a arma encostada na cabeça dela, ele está usando uma máscara) Se você correr, gritar, ou tentar qualquer coisa, eu te mato agora.

ÉDERSON: (se aproxima) Enfia a princesa dentro do carro e vamos correr!

GIOVANNA: O que vocês querem?

VITOR: (dá uma chave de braço em Giovanna, fala no ouvido dela) Você!

GIOVANNA: (desmaia).

VITOR: (coloca Giovanna no banco de trás do carro, amarra as pernas e os braços dela, entra no carro).

ÉDERSON: (entra no carro, tira a mascara, da à partida e sai em disparada).

Fim do Capítulo


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s