8 razões para acreditar que quem matou Murilo foi uma mulher

CMVYLPNWUAE8uqX
CHEGA DE ESPECULAÇÕES! Não precisa mais fazer exame de corpo de delito, investigar todo mundo e desconfiar até da bebida da boate: quem matou o Murilo em Babilônia foi uma mulher!!! Como a gente sabe? Ora, A HISTÓRIA NÃO MENTE! As mulheres são melhores em tudo, especialmente assassinatos!  Atentem-se aos fatos:

1) Obcecada pela vida de Donatela, Flora não tinha escrúpulos em A Favorita.

2) Bia Falcão, além de odiar pobre, simulou a própria morte para escapar linda, ilesa e mandando uma banana pra geral.

PS: vale lembrar que ela está em Babilônia, logo, mesmo não estando na lista de suspeitos, seu passado te condena, Tereza Petruccelli!!!

Bia Falcão

3) Leila matou APENAS Odete Roitman. Não precisa de descrição, né?!

4) Laura era linda, cachorra e maior cara de pau EVER! Brigou no banheiro, matou Lineu, fez a phyna na balada… Dissimulada!

5) Com cara de boa moça, Clara sacodiu Passione. Dava uns pegas no Totó  e matou o vilão da novela.

6) Apesar de usar o filho como justificativa, Wanda nunca teve muito juízo na cabeça. Ela ainda matou Norma (Oi, Beatriz!!!)

7) Rainha das vilãs da TV, Nazaré Tedesco nunca teve dó! Matou um, matou geral, também vai mat… OPS!

Nazaré

8) E não é que Naza fez escola? Taí Tereza Cristina com toda sua pose de RYCAH e DOIDA VARRIDA empurrando geral da escada em Fina Estampa.

Tereza Cristina

Com todos esses indícios, fica fácil garantir: sim, quem matou Murilo foi uma mulher!

Acompanhe o desfecho desse mistério hoje em Babilônia

Anúncios

Final de Babilônia tem prisão de Beatriz e embate trágico com Inês

Adriana Esteves (Inês) e Beatriz (Gloria Pires) em cena de Babilônia em que a primeira atirou na segunda

Mantidos a sete chaves na Globo, os três últimos capítulos de Babilônia reservam surpresas ao telespectador da novela das nove da Globo. Além da identidade do assassino de Murilo (Bruno Gagliasso), os roteiros de gravação indicam um embate trágico entre Beatriz (Gloria Pires) e Inês (Adriana Esteves), a ser produzido com dublês e técnicos em efeitos especiais em uma pedreira no Rio de Janeiro. Antes disso, Beatriz tentará fugir do Brasil, mas será presa por Regina (Camila Pitanga) e Vinícius (Thiago Fragoso).

No capítulo desta quinta-feira (27), a arquiteta será traída por Diogo (Thiago Martins). Ela planejará fugir do país com o amante. Mas o irmão de Regina verá Beatriz entregando uma mala de dinheiro a Osvaldo (Werner Schünemann), como pagamento pelo assassinato de Otávio (Herson Capri), e perceberá que a amada sempre mentiu para ele. O atleta decidirá contar sobre o plano de fuga de Beatriz à irmã e seu namorado. Os dois acionarão a polícia.

Na cadeia, Beatriz terá uma nova briga com Inês e chorará ao ver, pela televisão, Diogo ganhando uma medalha em uma competição. Ela irá parar na solitária, mas acabará fugindo da cadeia. Após essa fuga, terá um encontro com Inês em uma pedreira do Rio de Janeiro. Segundo a colunista Carla Bittencourt, do jornal Extra (veículo do Grupo Globo), a cena na pedreira promete um embate com “contornos trágicos” entre as duas vilãs de Babilônia.

As gravações na pedreira acontecerão nesta quarta e mobilizarão a equipe de efeitos especiais e dublês, o que sugere que uma delas (ou as duas) poderão cair em uma ribanceira, por exemplo.

Ainda de acordo com Carla Bittencourt, Bruno Gagliasso volta aos estúdios nesta quinta para gravar o desfecho da morte de Murilo. A assassina mais provável (e coerente) seria Beatriz.

Pedido de divórcio

Antes disso, o público vai ver a “casa cair” para Aderbal (Marcos Palmeira). O caso do prefeito com Inês vai virar um escândalo depois que Luís Fernando (Gabriel Braga Nunes) publicar o vídeo dos dois transando no escritório da boate de Guto (Bruno Gissoni) na internet. Maria José (Laila Garin) também descobrirá as armações do marido na política e decidirá pedir o divórcio.

A mãe de Laís (Luísa Arraes) vai expulsar o político de casa: “Vai embora! E fique sabendo que eu já escolhi a advogada que vai tratar do meu divórcio”, dirá a pianista. Ela também prometerá se vingar do marido. “Eu é que vou arrancar tudo o que ele tem na Justiça! E depois vou vender esse apartamento”.

Marcos Palmeira (Aderbal) com Tadeu Aguiar (Xavier) ao fundo em cena da trama

Essa sequência irá ao ar no capítulo desta terça-feira (25) na novela das nove. Mesmo assim, Aderbal vai ser eleito governador do Rio, com sua mãe, Consuelo (Arlete Salles), como sua vice. Será a perua quem vai assumir o posto após o filho ser preso. O desfecho dela será brigando com Teresa (Fernanda Montenegro), que também será eleita deputada estadual.

Estupro volta à tona

Guto também não deve ficar impune. Os autores da trama, Gilberto Braga, João Ximenes Braga e Ricardo Linhares já adiantaram que todos os vilões serão punidos. Nestes últimos capítulos, a trama terá o casamento de Alice (Sophie Charlotte) e Evandro (Cassio Gabus Mendes). O filho do dono da Souza Rangel chegará bêbado à cerimônia e destratando os convidados.

Laís acabará revelando que o mau-caráter tentou transar com ela à força. Evandro ficará horrorizado ao saber da tentativa de estupro e romperá com o filho definitivamente.

Entre os finais felizes, estão o de Valeska (Juliana Alves) e Norberto (Marcos Veras). Os dois também vão se casar, mas Clóvis (Igor Angelkorte) dará um jeitinho de ir morar com o casal. Assim, o triângulo amoroso continuará. Os mocinhos, Vinícius e Regina, também vão oficializar a união.

“Babilônia”: Últimos capítulos: Inês é torturada a mando de Beatriz

Avogada se desespera! (Foto: Artur Meninea/Gshow)

Osvaldo (Werner Schünemann) foi capaz de matar Otávio (Herson Capri) por Beatriz (Gloria Pires). Agora imagina o que o criminoso será capaz de fazer com Inês (Adriana Esteves). A mando da arquiteta, ele rende a loira com uma arma, e a leva até o alto do morro da Babilônia. A partir daí a coisa só piora: “Eu sou juiz e carrasco. Mané sujava, eu botava aí dentro da torre e acendia. (…) A farra vai começar”, diz o bandido, apontando para uma pilha de pneus.

Osvaldo segue ordens de Beatriz, e aterroriza Inês (Foto: Artur Meninea/Gshow)
Osvaldo segue ordens de Beatriz, e aterroriza Inês (Foto: Artur Meninea/Gshow)
Coitada! A loira vive momentos de pavor  (Foto: Artur Meninea/Gshow)
Coitada! A loira vive momentos de pavor (Foto: Artur Meninea/Gshow)

Com Inês dentro da pilha, Osvaldo joga gasolina nela e diz que, se ela quer continuar viva, vai ter que pedir demissão da Souza Rangel. A advogada concorda com tudo e consegue ser liberada. Que terror! Será que Inês vai cumprir o combinado?

Osvaldo joga gasolina em Inês (Foto: Artur Meninea/Gshow)
Osvaldo joga gasolina em Inês (Foto: Artur Meninea/Gshow)

Fique ligado em Babilônia! Esta cena está prevista para ir ao ar na quarta-feira, 26/8. Saiba mais sobre o capítulo.

“Babilônia”: Últimos capítulos! Rafael descobre plano de Aderbal: ‘Assassino’

Rafael descobre que tudo não passou de uma armação de Aderbal (Foto: TV Globo)
Rafael descobre que tudo não passou de uma armação de Aderbal (Foto: TV Globo)

Aderbal (Marcos Palmeira) ainda não tem noção do estrago que fez. Ele chega ao hospital achando que sua armação contra Rafael (Chay Suede) deu certo, mas logo descobre que quem está internada é sua filha, Laís (Luisa Arraes): “É ela que passando mal? Por que não é esse moleque aí?”, diz, na frente do jovem.

Maria José, Aderbal e Consuelo descobrem que Laís está em estado grave (Foto: TV Globo)
Maria José, Aderbal e Consuelo descobrem que Laís está em estado grave (Foto: TV Globo)

Consuelo (Arlete Salles) também acaba falando mais do que devia e Rafa logo desmascara o plano do prefeito. “Foram vocês que armaram! Vocês deram um jeito de batizar a bebida que eu e a Laís tomamos!”, o jovem acusa os dois. Teresa (Fernando Montenegro) tenta acalmar o filho, mas ele não se contém e dá um soco em Aderbal: “Assassino”, grita o rapaz.

Climão, hein? Não perca esta cena que vai ao ar na quarta-feira, dia 19/08. Clique aqui e saiba mais sobre este capítulo.

“Babilônia”: Após morte do pai, Fred se redime e pede perdão a Sérgio e Ivan

Fred pede perdão a Sérgio e Ivan
Fred pede perdão a Sérgio e Ivan

Em “Babilônia”, após Carlos Alberto (Marcos Pasquim) ser assassinado por Beatriz (Gloria Pires), Fred (Filipe Ribeiro) vai se redimir.

Segundo a colunista Patrícia Kogut, o jovem decide pedir perdão a Sérgio (Claudio Lins) por ter sido preconceituoso ao descobrir o relacionamento do tio com Ivan (Marcello Melo Jr.). No velório do pai, o amigo de Guto (Bruno Gissoni) conversa com o executivo e com o professor de educação física.

“Eu quero te pedir desculpas, Ivan”, diz Fred, deixando-o surpreso. “Tio, meu pai queria muito ver a gente se dando bem. Eu disse pra ele que ia tentar, mas eu não tava sendo sincero. Agora eu tô. Pena que eu não pude dar essa alegria pra ele em vida. Vou carregar esse remorso. Tio, você me perdoa pelas coisas que eu disse?”, questiona o filho de Carlos Alberto.

“Perdoo, Fred”, responde Sérgio, comovido. “Ivan, eu fui cruel, injusto… Eu vou entender se você não aceitar as minhas desculpas. Mas eu preciso te dizer que eu tô arrependido de verdade“, diz o rebelde, que recebe o perdão do professor de educação física.

Reviva: Relembre os “quem matou” na obra de Gilberto Braga – 105ª edição

Perto do fim de “Babilônia”, o autor, Gilberto Braga, presenteia o público com mais um “quem matou”, já uma tradição em suas novelas. Murilo, o gigolozinho da novela, vivido por Bruno Gagliasso, é a vítima da vez. A solução do mistério – que tem a intenção de aguçar a curiosidade do público nesta reta final da trama – será revelada apenas no último capítulo, em 28 de agosto. Vários são os suspeitos. Antes disso, relembre os “quem matou” na obra de Gilberto Braga!

Quem matou Miguel Fragonard? (Raul Cortez em “Água Viva”, 1980): O primeiro mistério criado por Gilberto Braga. O cirurgião plástico morreu com um tiro e o principal suspeito era seu irmão Nelson (Reginaldo Faria), com quem não se dava. No último capítulo, foi revelado que o assassino era Kleber (José Lewgoy), administrador dos bens da família Fragonard, que havia roubado Nelson e fora descoberto por Miguel. Kleber acabou preso e escreveu suas memórias na cadeia

Quem matou Olivério? (Arthur da Costa Filho na minissérie “Anos Dourados”, 1986): O jovem Marcos (Felipe Camargo) era o principal suspeito da morte do gerente da boate. Na noite anterior ao crime, Marcos havia discutido com Olivério, que se negara a emprestar-lhe dinheiro. Ao final descobriu-se que tudo era uma armação para incriminar o rapaz, arquitetada pelo Dr. Carneiro (Cláudio Corrêa e Castro), que não aceitava o namoro dele com sua filha, Lurdinha (Malu Mader). Olivério também vinha chantageando Carneiro, pois tinha em seu poder fotos comprometedoras do médico com uma amante, funcionária de sua boate. Ao ser descoberto, Carneiro suicidou-se antes de ser preso.

Quem matou Odete Roitman? (Beatriz Segall em “Vale Tudo”, 1988-1989): O mais famoso dos “quem matou” da história das nossas novelas. A megera morreu faltando poucos capítulos para o fim da trama. E por acidente. Leila (Cássia Kiss) matou Odete a tiros, achando que estava atirando em Fátima (Glória Pires), que estava tendo um caso com seu marido, Marco Aurélio (Reginaldo Faria). No final, a família foge do país com dinheiro de Odete, na famosa cena em que Marco Aurélio manda uma banana para o Brasil

Quem matou Otacílio Martins Fraga? (Paulo José na minissérie “Labirinto”, 1998): O empresário foi morto no primeiro capítulo, durante uma festa de réveillon. O suposto assassino, Ricardo Velasco (Antônio Fagundes) – amante da mulher de Otacílio, Leonor (Betty Faria) – fez com que a culpa recaísse sobre jovem André (Fábio Assunção), funcionário na empresa de Otacílio, que conseguiu fugir e iniciou uma luta para provar sua inocência. Ao final, revelou-se que o criminoso era o próprio filho do morto, Júnior (Marcelo Serrado), que sempre fora menosprezado pelo pai

Quem matou o Barão Henrique Sobral? (Reginaldo Faria em “Força de um Desejo”, 2000): O principal suspeito era o filho do barão, Inácio (Fábio Assunção), que estava tendo um caso com sua madrasta, Ester (Malu Mader). O assassinato tinha ligação com outros três crimes. Bárbara Ventura (Denise Del Vecchio) matou a Baronesa Helena (Sônia Braga), ex-mulher do barão, por ciúmes, já que ela havia sido a paixão da vida de seu marido, Higino (Paulo Betti). Quando o médico Xavier (Nelson Dantas) diagnosticou a morte, Bárbara o matou também. Depois a assassina se confessou com o padre Olinto (Abrahão Farc). Arrependida da confissão, matou o padre. Por fim, ela assassinou o barão, que descobriu a trama toda. Bárbara acabou louca num manicômio

Quem matou Lineu Vasconcellos? (Hugo Carvana em “Celebridade”, 2004): O rico empresário foi morto ao final da novela e o assassino foi o suspeito mais óbvio: a vilã Laura (Cláudia Abreu). Ela estava negociando com ele a entrega dos documentos que comprovavam o roubo da música ?Musa do Verão? e que ela vinha usando para destruir Maria Clara Diniz (Malu Mader), amiga dele. Enquanto discutiam, Lineu recebeu em mãos os documentos que haviam sido roubados por um empregado seu. Laura, desesperada por ter perdido a sustentação de tudo que havia conseguido, disparou um tiro contra o empresário. Ela confessou o crime antes de morrer, após ter sido baleada por Renato Mendes (Fábio Assunção), no último capítulo.

Quem matou Taís? (Alessandra Negrini em “Paraíso Tropical”, 2007): A gêmea má da novela foi morta porque sabia demais. Ela descobriu o plano do vilão Olavo (Wagner Moura) de se apoderar da fortuna de Antenor Cavalcanti (Tony Ramos). Olavo descobrira que seu irmão Ivan (Bruno Gagliasso) era filho de Antenor e pretendia usurpar-lhe a herança. Taís propôs participação no dinheiro que Olavo iria levar, mas acabou morta por ele: dopada, ele a abandonou num ambiente com o gás aberto. No final, ao saber da trama de Olavo, Ivan atirou nele e acabou também baleado. Os dois morreram.

Quem matou Norma (Glória Pires em “Insensato Coração”, 2011): Norma empreendia uma vingança ferrenha contra o vilão Léo (Gabriel Braga Nunes). Fazia dele gato e sapato e o ameaçava entregar à polícia, por todos os seus crimes. A mãe dele, Wanda (Natália do Valle), não aguentou mais ver o filho humilhado, na iminência de ser preso, e matou Norma. No último capítulo, após a confissão, Wanda foi parar numa clínica psiquiátrica. Mas Norma foi precavida: antes de morrer, orientou a secretária Jandira (Cristina Galvão) a entregar Léo ao empresário Cortez (Herson Capri) que, a essa altura, estava preso, por causa do bandido. Léo também foi para a cadeia e Cortez tratou pessoalmente de sua morte.

“Babilônia!: Murilo é assassinado em boate

Murilo é assassinado (Foto: TV Globo)
Murilo é assassinado (Foto: TV Globo)

Um corpo caído no meio da pista de uma movimentada boate. Alice (Sophie Charlotte) se aproxima e, em choque, reconhece: “Murilo (Bruno Gagliasso)!”. O que era para ser uma festa de aniversário se transforma em uma tragédia. O assassinato do playboy, no capítulo desta quinta, dia 13/8, vai agitar a reta final de Babilônia. Suspeitos? Todos podem ser…

Alice fica desolada (Foto: TV Globo)
Alice fica desolada (Foto: TV Globo)

A presença de Murilo incomoda os que estão presentes no evento de comemoração de Alice. Acuado, ele ameaça e ofende todos. Estão lá Beatriz (Gloria Pires), Regina (Camila Pitanga), Inês (Adriana Esteves), Cris (Tainá Müller),  Vinícius (Thiago Fragoso), Tadeu (Cesar Mello), Evandro (Cássio Gabus Mendes), Pedro (André Bankoff), Helô (Carla Salle), Ivan(Marcello Melo Jr.), Celina (Débora Duarte), Diogo (Thiago Martins), Guto (Bruno Gissoni) eCarlos Alberto (Marcos Pasquim), além da própria aniversariante.

Gabi não acredita no que vê (Foto: TV Globo)
Gabi não acredita no que vê (Foto: TV Globo)

Qual deles é o assassino? Não perca estas cenas que vão ao ar nesta quinta, dia 13/8. Saiba mais sobre o capítulo.